Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Conheça a Política de Cookies.
Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

Imprimir
Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

MARGARIDA DE DORNELLAS
LISBOA

Na ocasião de matar o frango, apara-se o sangue com um pouco de vinagre. Depena-se e arranja-se o frango e parte-se como para ensopar.
Põe-se uma panela ao fogo, com banha, cebola, tomate sal e um ramo de salsa, deixa-se refogar e depois de bem refogado junta-se-lhe o frango partido e deixa-se cozer com a panela tapada. Se o Frango for muito grande junta-se água suficiente para o cozer e se preciso for junta-se um pouco mais de água antes de se deitar o arroz bem lavado. (A quantidade regula-se pelo número de pessoas e tamanho do frango).

Mistura-se bem o arroz com o frango, deixa-se cozinhar e vai-se deitando água de vez em quando, com cuidado para que não seja demais.
Momentos antes de se servir, deita-se o sangue do frango, com vinagre, no arroz (que não deve estar seco).

Mexe-se delicadamente e deixa-se ferver apenas uns minutos, para secar o arroz e serve-se.

MLM

Acessos: 1321
Tagged Under